terça-feira, 20 de outubro de 2009

Solidariedade

Dona princesa está óptima, sem um único vestígio de desarranjos intestinais e afins, mas deixou atrás de si um verdadeiro rasto de destruição, leia-se, de contágio. Depois do pai e da mãe - é bem, para saberem o que custa - as vítimas foram os avós do Alentejo, o Rui e a Joana, passando pela Aninhas e pela Catarina. Ninguém escapou. Ora tomem.

5 comentários:

carla.mateus.silva disse...

pois o pior é começar...e como tá tua barriga? já tá grande?
beijinhos
Carla

graça anibal disse...

É assim mesmo. Quem não está comigo...
Escapou esta avó que está imunizada contra qualquer virus que ataque netos. Haja alguém para dar o medicamento!
beijinhos muitos
Avó Graça

Oficinas RANHA disse...

Realmente, ainda bem que sobra uma avó para contar a história, eheheheh...
Beijocas de melhoras para todos!
Rita

Joana disse...

pois é menina Madalena!
Estive muito doente e agora o meu pai tbem está doente1
Sua marota!

Beijinhos
madrinha Joana

Joana disse...

He he he!
gosto muito do nome Pedro!

beijinhos
madrinha joana