quinta-feira, 18 de março de 2010

Jet leg

O novo homem cá de casa dorme lindamente. Muito bem, mesmo. Com um pequeno pormenor: é assim só de dia, porque de noite a música é outra. Acorda de duas em duas horas para petiscar qualquer coisa e depois é vê-lo, acordadissimo, de olhos bem abertos para o mundo e a berrar a plenos pulmões mal tentamos colocá-lo no berço - e pulmões, acreditem, é coisa que ele já desenvolveu muito bem. Chucha nem vale a pena tentar, que é artefacto que não lhe interessa, e a maminha da mãe até é óptima para adormecer, mas não é suficiente para provocar um soninho profundo que resista a um regresso ao berço.
O resultado é uma mamã cheia de olheiras e com imensa inveja do papá, que consegue continuar a dormir olimpicamente mesmo no meio do maior berreiro da cria. É certo que o rapaz só tem duas semanas e meia e que estas coisas do jet leg são perfeitamente normais em que faz viagens desta dimensão, mas, por favor, alguém me sabe dizer quando é que é suposto passar? E, sendo certo que uma palmada no rabo de sua magestade está fora de questão - até porque não serviria de nada -, o que é que uma pobre mãe em desespero pode fazer? É que depois olho para ele, a fazer beicinho e só me dá para o encher de beijinhos e todas as tentativas de impor alguma disciplina vão imediatamente por água abaixo...

4 comentários:

Rita disse...

É muito difícil mesmo. Os horários para eles não significam nada.
Se calhar já fazes isto, mas ...De dia quando ele dorme não deixes o quarto escuro e silencioso, para ele se ir habituando aos ruídos da casa.
Haverá de habituar-se que é de noite que se dorme.

Bjinhos

carla.mateus.silva disse...

Esperar que passe essa fase( e vai passar) e muita, muita paciencia:)
Tudo vai melhorar.
Bj grande

augusto, um entre mil disse...

pois...

gralha disse...

Olha, somos duas... Com a diferença que o meu também gosta de petiscar durante o dia. Estou mais cansada da luta constante para ele mamar mais do que 10 minutos do que das noites sem dormir...