segunda-feira, 30 de maio de 2011

Três anos

Foi uma festa de aniversário a três tempos. Começou com o avô a fazer sardinhas assadas para o almoço no jardim, continuou pela tarde com um lanche para as amigas e prolongou-se até à noite, com um jantar para os amigos do Alentejo.
Dona Mada esteve radiante, no seu vestido "muito branquinho branquinho" criação da mamã e, já me garantiu, teve a melhor festa de anos da sua vida, tal e qual como o Ruca no livro com a história do aniversário. Não ganhou um dinossauro, mas, pasme-se, teve direito à sua primeira Barbie (responsabilidade da Madrinha) e a uma nova amiga, a Rosinha, que já foi hoje com ela para a escola. Também ganhou vestidos giros, giros, um pijama que agora não larga nem por nada, baldes para levar para a praia, um puzzle novo que fez com o papá em poucos minutos, dois serviços de chá musicais e mais roupa, mais brinquedos e mais mimos, muitos, muitos mimos e muita atenção, que, afinal, não é todos os dias que se faz três anos.
Ai que orgulho, que orgulho...

4 comentários:

IsabelCunha disse...

Muitos parabéns!

Vanda disse...

Parabéns, Madalena! Uau, 3 anos... adoro essa idade! Bjs

Oficinas RANHA disse...

Parabéns a toda a família.
Beijinhos da Ana Cristina

mena disse...

obrigada :)