segunda-feira, 7 de junho de 2010

E se de repente...

... fossemos uma família com horários normais? Se eu entrasse às nove e saisse às cinco, e o pai também, e fossemos buscar a Madalena à escola com passagem pelo escorrega anter de irmos para casa? E se tivessemos tempo para brincar e fazer dezenhos e ler livros e depois tomar banho, e jantar, todos sentados à mesa?
Cada vez que a vou buscar à escola, agora que estou em casa, penso nisto e dá-me um aperto no coração, porque sei que daqui a uns meses este privilégio se acaba e não vou ter, em cada final de dia, aquele sorriso maravilhoso dela a correr para mim mal me vê, para me abraçar e saltar para o meu colo.
Gosto muito da minha profissão, mas há alturas em que me apetece largar tudo só para poder ter estes momentos.

2 comentários:

Cougar disse...

assunto excelente para denunciar na CIG....

carla.mateus.silva disse...

acredita que eu sei como é,andar sempre a correr e não ter tempo para os filhotes...