quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Madalena vai à escola

No primeiro dia foi com a mamã e o papá, ficou apenas uma hora e quando de lá saiu já tinha dado ideias aos outros meninos, instituindo a moda de arrastar cadeirinhas pela sala. Não chorou uma única vez.
No segundo dia também correu tudo muito bem. Brincou, dançou, destribuiu sorrisos pela Susana (a educadora) e pela Paula (a auxiliar) e não ligou nenhuma aos outros meninos, que também não lhe deram grande atenção. O que de resto não interessa nada, porque a sala está cheia de brinquedos novos para explorar.
Ao terceiro dia, já que tudo corria tão bem, a rapariga ficou para o almoço e os papás retiraram-se durante uma horita, deixando-a lá sózinha. Caiu o Carmo e a Trindade, claro, e vai passar muito tempo até me esquecer da carinha dela, a chorar deinfelicidade quando nos viu a ir embora. O pai estava de tal forma que não conseguia abrir a cancela para sair e a mim só me apetecia voltar lá para dentro para a abraçar. Soubémos depois que o choro até nem durou assim tanto e que comeu um prato de sopa inteirinho, coisa que em casa se recusa terminantemente a fazer.
No quarto dia, ou seja, hoje, fez gazeta. Passou a noite cheia de febre, em princípio numa reacção às vacinas dos 15 meses, porque não tem mais sintomas nenhuns.
Semaninha complicada...

4 comentários:

Ana Tenente disse...

Mada,

Vais ver que vais gostar da escola.
E que bonita que estavas para o primeiro dia, de sapatinhos brancos, mochila às costas e ganchinho a rematar. Uma verdadeira princesa!

Beijinhos das manas.

Oficinas RANHA disse...

Beijinhos querida Madalena e, principalmente, queridos Sérgio e Mena (porque ela não vai recordar este dia, mas vocês vão)...
Dêm tempo ao tempo, amigos, vão ver que para o ano até vos manda embora... (mas não demora assim tanto tempo a ambientar-se, não se assustem!)
Rita

Oficinas RANHA disse...

Olha, foi o que aconteceu pelo menos em www.pulgamorena.blogspot.com!! Se quiseres, pesquisa!
Abracinhos grandes de consolo, Rita

Fátima disse...

Olá madalena, a avó está tão contente por te ver de abalada para a escola. A mamã esmerou-se e fez de tio uma linda Princesa, pareces tão linda com a mochila.
Beijinhos da avó
Fátima